Dia do Herói

DIA DO HERÓI, engana-se aquele que deduziu que eu estava me referindo diretamente ao Alferes militar (escudeiro/cavaleiro) e mártir da Pátria Brasil, Joaquim José da Silva Xavier, que fora enforcado e esquartejado, tendo suas partes corporais expostas nos principais pontos de pregação de suas ideias libertárias.

Tiradentes, também assim denominado e bem mais conhecido, fora executado como criminoso no dia 21 de abril de 1792 por defender, por assim dizer, a sociedade através da luta por valores tão nobres e essenciais que a própria sociedade desconhecia ou não fazia a menor questão de entender. Qualquer semelhança com o trabalho do Policial Civil de Base de hoje em dia, poderíamos dizer que é ” mera coincidência…”

Ele fazia parte de um grupo, que a priori, tinham os mesmos e nobres objetivos. No entanto, dentre todos os inconfidentes era ele o que poderíamos dizer… ” o cara da base “, pois todos os demais tinham “posses” e eram íntimos do poder palaciano. Resultado: quando o caldo entornou, ” o bicho pegou “…. Adivinha no colo de quem estourou a bomba?

Quem é Policial Civil de Base sabe muito bem… (ou pelo menos deveria saber)

Dos inconfidentes apenas Tiradentes fora enforcado e esquartejado, os demais foram ” punidos ” com exílio, ou seja, foram mandados para um único destino para repensarem e lembrarem do seu comprometimento com o statu quo, enfim, com os palacianos. Enquanto isso, Tiradentes fora enviado a vários lugares ao mesmo tempo (em generosos pedaços, é claro), com o intuito de dar um recado claro à base do que poderia ocorrer caso outro insolente de “classe inferior” resolvesse contestar os mandos e desmandos, as tiranias e injustiças perpetradas contra o povo (a base), tão comumente engendradas nos corredores palacianos.

Bem, não era – de todo – minha intenção de discorrer sobre tão importante e emblemático momento histórico de nossa pátria, ainda mais de forma tão singela e limitada. Aproveito para pedir desculpas pelas licenças “poéticas” e novamente por minha evidente limitação textual.

O HERÓI a que me refiro é você !!!

Bravo POLICIAL CIVIL !!!

Que cotidianamente expões sua VIDA – diga-se an passant ÚNICA, pois tem gente que pensa que temos várias e portanto que se lasque ( no bom português) quanto morre um de nós, pois daqui a pouco renascemos como num joguinho de vídeo game -;  VOCÊ, PCPr que garante de forma heroica, todo santo dia, 24 horas por dia, a segurança da sociedade paranaense, e que faz isso com o mínimo de estrutura e apoio, com um peso extra e enorme que não é seu, mas que mesmo sofrendo tantas INJUSTIÇAS e DESCASOS se mantém firme e focado na sua missão.

Nesse seu dia, 21 de abril, dia do mártir (e vem muito bem a calhar), o SINDIPOL prestar nossa HOMENAGEM a quem faz muito e recebe muito pouco de retorno e gratidão.

CONGRATULAÇÕES POLICIAL CIVIL DO ESTADO DO PARANÁ

BRAVOS GUERREIROS e GUERREIRAS

Que este dia do POLICIAL, seja um marco, que o Estado do Paraná não vire as costas à base da PCPr e de forma honrosa cumpra com seus compromissos de valoração e gratidão aos serviços prestados por esses Policiais Civis à sociedade paranaense, que está do nosso lado e reconhece nossa importância na manutenção da paz social e na busca de um PARANÁ cada vez mais forte e respeitado.

Um fraternal abraço aos irmãos e irmãs da nobre PCPr.

 

Michel Franco
Presidente do SINDIPOL Paraná

heroi

Verifique Também

BETO RICHA e o CONTO DE FADAS

BETO RICHA e o CONTO DE FADAS No dia 08 de janeiro de 2018, segunda-feira …